play_arrow

keyboard_arrow_right

skip_previous play_arrow skip_next
00:00 00:00
playlist_play chevron_left
volume_up
chevron_left
  • Home
  • keyboard_arrow_right Arquivo
  • keyboard_arrow_right Rede Geek
  • keyboard_arrow_right Review Moto G4 Plus

Review Moto G4 Plus

854 Resultados / Página 1 de 48


Background

Fazia tempo que não testava um aparelho tão redondinho! O Moto G4 Plus não tem nenhuma grande característica que torna ele um smartphone único, mas a junção de todos os componentes fez dele um ótimo smartphone.

Vou começar o review falando do ponto mais fraco desse aparelho, o design! Não tem nenhuma inovação e lembra muito o moto X de segunda geração, principalmente pelas bordas bem largas. A traseira de borracha texturizada me agrada bastante e já vem com duas opções de cores.

A tela que tem um ótimo tamanho e resolução para navegar, jogar e ver filmes. O nível de cores e brilho da tela são ótimos, o único ponto que me incomodou foi o sensor de luminosidade, que na minha opinião faz mudanças muito bruscas em momentos que não é necessário.

Um grande diferencial do Moto G4 Plus é o sensor de digital, uma função bem viciante! O sensor que vem embarcado nesse smartphone é muito bom, reconhece com facilidade a digital em diversas posições. O que pra mim é um erro de design do produto é ter o sensor localizado na parte frontal e não ter a função de botão home. Devido a sua posição e formato é instintivo tentar apertar ele todas as vezes que você quiser retornar para tela inicial.

Falando agora um pouco da câmera, finalmente a Motorola conseguiu evoluir nesse quesito. Tanto o Moto G quanto as duas primeiras gerações do Moto X tinham câmeras razoaveis. O novo sensor com abertura de f2.0 aliado ao foco laser e ao flash duplo resultam em ótimas fotos até em ambientes mais escuros. Inclusive você consegue brincar com manualmente com o ISO, Macro e outras coisinhas mais.

Pra mim o ponto alto do Moto G4 Plus é o desempenho! O sistema operacional está muito leve, o processador está dando conta do recado e os singelos 2 GB de RAM não deixam o smartphone travar e seguram muito bem o multitarefas. A motorola conseguiu fazer uma combinaçào tão interessante que o desempenho de bateria me surpreendeu bastante. Para vocês terem ideia um dia usei o smartphone 3 horas no Wi-fi, 3 horas no 4G e mais 2 Horas de GPS com Waze e bateria ficou com 50% da carga ainda disponível.

Definitivamente esse é o melhor Moto G que a Motorola já lançou, mas infelizmente ele perdeu sua principal característica, o preço matador. Eu não costumo falar de preço aqui no Review Maroto, mas esse modelo tem o preço sugerido de R$1500,00 (no lançamento), colocando-o em outra categoria. Na minha opinião um smartphone intermediário não deveria custar tanto. Mas se você está disposto a investir esse valor em um smartphone, com toda certeza o Moto G4 Plus vai atender sua necessidades o aparelho é ótimo.

3 pontos que você precisa saber sobre Moto G4 Plus:

  1. Ele tem carregamento rápido e vem com o carregador Turbo Charger
  2. Ele não tem as funções maneiras de voz que o Moto X tem
  3. Ele é resistente a respingos d’água

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

  • Plataforma: Android 6.0.1 (Marshmallow);
  • Tela: IPS LCD de 5,5 polegadas com resolução de 1920×1080 pixels;
  • Processador: octa-core Snapdragon 617 de 1,5 GHz;
  • GPU: Adreno 405;
  • Memória RAM: 2 GB;
  • Memória interna: 32 GB;
  • Memória externa: suporte a cartão microSD de até 128 GB;
  • Câmera: 16 megapixels (traseira) e 5 megapixels (frontal);
  • Conectividade: 3G, 4G, Wi-Fi 802.11n, GPS, Bluetooth 4.1, USB 2.0, rádio FM;
  • Sensores: acelerômetro, proximidade, impressões digitais;
  • Bateria: 3.000 mAh;
  • Dimensões: 153 x 76,6 x 9,8 mm;
  • Peso: 157 gramas.

 


EU NÃO ACREDITO

toda segunda-feira um novo episódio
Ouça em todas as plataformas
Background

Eu não acredito que tudo que constitui nossos corpos já foi estrela um dia!

Na verdade, quase tudo. Com exceção do hidrogênio e do hélio, todos os outros elementos químicos do seu corpo, deste planeta e do universo vieram da explosão de estrelas. Ou seja, você pode dizer sem modéstia: eu já fui uma estrela.

Nesta semana, vamos olhar para as estrelas para entender a vida, o universo e tudo mais sob a perspectiva da astrofísica!

DESCUBRA NESSE EPISÓDIO:
O que é exatamente a Astrofísica e para que ela serve?
– Quais são as diferenças entre Astrofísica e Astronomia?
A Astrofísica está relacionada à Astronomia?
Quais são os benefícios de se estudar Astrofísica?
Como é a relação internacional entre os estudiosos da Astrofísica?
Como é ser astrofísico no Brasil?
A Astrofísica pode influenciar o cotidiano de qualquer pessoa?
Como a Astrofísica afeta a exploração espacial?
Como a Astrofísica nos ajuda a entender o universo?
É possível ensinar astrofísica para crianças?

LINKS DO PROGRAMA
ÁUDIO JOGO
Trailer do ÁUDIO JOGO – OLHO DE VIDRO (YouTube)

REFERÊNCIAS TEXTUAIS
Quem foi Johannes Kepler? (Superinteressante)
Fotógrafo registra estrelas e rastro da Via Láctea no céu sobre as Cataratas do Iguaçu (G1)
A astrofísica Beatriz Barbuy desvenda a composição química das estrelas (Superinteressante)
Resumo do Livro Antônia e a Caça ao Tesouro Cósmico – Leitura do autor Alan Alves Brito. (Canal CoMPazdocumenta – YouTube)
Livro: “Antônia e a Caça ao Tesouro Cósmico”, de Alan Alves Brito. (Editora Appris)
“Aqui descobrimos 70% do universo” Telescópio captou a constante expansão do universo, atraído por “energia escura” (El País)
Projeto de Mapeamento da Energia Escura (The Dark Energy Survey)
Participação do Brasil no Dark Energy Survey (Linea)

Gostou do episódio? Mande um comentário em áudio pelo WhatsApp +55 11 98765-6950. Seu comentário poderá aparecer no podcast Serviço de Atendimento à Cavalaria (SAC).


mande seu comentário em áudio