play_arrow

keyboard_arrow_right

skip_previous play_arrow skip_next
00:00 00:00
playlist_play chevron_left
volume_up
chevron_left
  • Home
  • keyboard_arrow_right Arquivo
  • keyboard_arrow_right Blog
  • keyboard_arrow_right Street of Rage

Street of Rage

762 Resultados / Página 1 de 43


Background

Vamos falar um pouco de nostalgia? Um dos jogos que mais amo nessa vida de meu Deus é o Street of Rage para Mega Drive!

Esse jogo clássico chegou em 1990 e seu objetivo é muito simples, livrar a cidade da bandidagem andando pra frente e dando a porrada! hehehehehe

O jogo é muito empolgante, principalmente pela trilha sonora meio rock n’roll com eletrônico que mostra todo o ~potencial~ sonoro do Mega Drive 16bits. Vale conferir Yuzo Koshiro, compositor das trilhas, tocando elas em um balada no Japão.

Um das coisas que mais gostava no Street of Rage é o modo para jogar de duas pessoas! Era muito divertido combater o crime com meus amiguinhos. Mas nesse modo novas regras se aplicavam ao jogo, se você desse um soco sem querer no personagem de seu amigo, automaticamente você deveria parar tudo e deixar o personagem do seu amigo dar um soco no seu!!! Foda-se que vocês estão jogando em modo cooperativo e quanto mais energia os dois tiverem melhor. Olho por olho, dente por dente!

Guerras já foram evitas com essa regra!

Existe Street Of Rage 1,2 e 3 e fãs até hoje esperam a chegada do tão sonhado Street Of Rage 4, mas a apesar de diversas tentativas e projetos iniciados, nada oficialmente foi lançado… Isso mesmo OFICIALMENTE!

Um grupo de fãs criaram o Street Of Rage Remake, um jogo que poderia ser tranquilamente oficializado pela franquia. Mantém o visual clássico de 16 bits, trilha sonora ótima e o melhor, não existe modo save. Se quiser zerar o jogo vai ter que começar e acabar ou fazer como antigamente, deixar o computador ligado e torcer para ninguém mexer! ;D


EU NÃO ACREDITO

toda segunda-feira um novo episódio
Ouça em todas as plataformas
Background

Eu não acredito que o conceito de comunicação não-violenta só surgiu na década de 1960.

A técnica, criada pelo psicólogo norte-americano Marshall Rosenberg, pretende criar formas de conexão mais profunda e empática para solucionar conflitos, e já foi usada em casos de crises internacionais ao longo dos anos.

Nesta semana, vamos entender tudo sobre a comunicação não-violenta e como ela pode ser usada nas nossas vidas!

DESCUBRA NESSE EPISÓDIO:
– O que é comunicação não-violenta?
– É possível ser violento mesmo falando de forma tranquila?
– Por que é importante se conectar com o outro numa discussão?
– O que Gandhi tem a ver com a comunicação não-violenta?
– Como posso aprender a comunicação não-violenta?
– A comunicação não-violenta é útil no ambiente de trabalho?
– A comunicação não-violenta está ligada à mediação judicial?
– O que é preciso para usar a comunicação não-violenta?
– Existem cursos de comunicação não-violenta?
– Como a comunicação não-violenta pode melhorar a vida em sociedade?

OFERECIMENTO
Bradesco
G-Locks Fechaduras Eletrônicas

LINKS DO PROGRAMA
Podcast TERAPIA DE PERSONAGENS
Apagão – Ruas de Fúria
BarbaraDuarte Podcast #10 – A Guerra do Streaming, com Tato Tarcan
BarbaraDuarte Podcast #9 – Um Guia Para a Black Friday, com Prof. Maury
Baseado em Fatos Surreais Podcast
EU NÃO ACREDITO – Masculinidade
EU NÃO ACREDITO – Meditação

REFERÊNCIAS TEXTUAIS
Conciliação e mediação – estatísticas (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo)
A comunicação não violenta como instrumento de pacificação social (Jus)
CNV – Comunicação não violenta para melhores diálogos e relacionamentos (Descola)
Curso de Comunicação não violenta: Consciência para agir (Alura)
Ahimsa (Wikipédia)

Gostou do episódio? Mande um comentário em áudio pelo WhatsApp +55 11 98765-6950. Seu comentário poderá aparecer no podcast Serviço de Atendimento à Cavalaria (SAC).


mande seu comentário em áudio