play_arrow

keyboard_arrow_right

skip_previous play_arrow skip_next
00:00 00:00
playlist_play chevron_left
volume_up
chevron_left
  • cover play_arrow

    Skate EU NÃO ACREDITO

  • Home
  • keyboard_arrow_right Arquivo
  • keyboard_arrow_right Blog
  • keyboard_arrow_right Dilemas de programador!

Dilemas de programador!

873 Resultados / Página 1 de 49


Background

Hoje eu tomei uma decisão que me fará trabalhar um pouco mais do que eu tinha planejado. Esta decisão refere-se simplesmente à abandonar um projeto que eu estava desenvolvendo em Postgres SQL para voltar a trabalhar com MySQL.

Esta mudança em si nem é tão traumática, tendo em vista que MySQL é batutinha e eu já estou manjando um bocado. Mas a questão é que eu queria aprender a utilizar o Postgres que, dizem, é melhor.

Superei o fato assim como superei quando decidi aposentar minha programação em C para começar PHP, mas isso não muda o fato de que diversas vezes somos obrigados a abandonar linguagens e métodos que gostamos porque o mundo nos obriga, seja porque o nosso trabalho exige ou porque o servidor que utilizamos não tem os recursos nescessários atendendo apenas a maioria.

Pensando nisso, decidi compilar uma lista das linguagens / ferramentas / frameworks que prometem e mais utilizados. Isso com certeza ajudará você a escolher um caminho na hora de programar:

  • Python
  • PHP (até o Tato que é designer já se atreveu a editar)
  • Java (eu não gosto, mas as corporações amam)
  • Ruby
  • Ruby on Rails
  • C#
  • Javascript (sem ele não existiria Web 2.0)
  • JQuery (Framework de Javascript)
  • AJAX (técnica na verdade)
  • MySQL (banco de dados existente em 99% dos servidores)

Observe que Flash ActionScript está fora da lista porque ele é muito pesado para pouco ganho. Sabe como é né, coisa de designer!


EU NÃO ACREDITO

toda segunda-feira um novo episódio
Ouça em todas as plataformas
Background

Eu não acredito que o skate tem tudo pra ser o carro-chefe das medalhas do Brasil nos Jogos Olímpicos do Japão!

Isso aí. Nem futebol, nem vôlei, nem natação. Como nova modalidade nos Jogos Olímpicos de Tóquio, é o skate que promete trazer a maior quantidade de medalhas para o país.

No dia mundial do Skate, descubra um pouco mais desse esporte que já foi muito “marginalizado”, se popularizou e continua mudando a vida de muita gente!

DESCUBRA NESSE EPISÓDIO:
Como foi o desenvolvimento da cultura do skate no Brasil?
– Skate ainda é visto como algo marginalizado?
– Eventos como o X-Games ajudaram a popularizar o skate?
– Como o skate consegue mudar a vida das pessoas?
– O  padrão das pistas da Califórnia ainda é refletido no mundo?
– Quais são as principais diferenças entre skate de rua e skate de pista?
– Como vai ser o skate como esporte olímpico?

LINKS DO PROGRAMA
Olho de Vidro – Manguetown (Catarse)

REFERÊNCIAS TEXTUAIS
Com favoristas, Brasil fecha delegação para estreia do skate nos jogos olímpicos (Folha de São Paulo)
Dados da Confederação Brasileira de Skate (CBSK)
Capa da Revista Life com a skatista Pat Macgee (Skate curiosidade)
“Os Reis do Asfalto” – A História do Skate (Superinteressante)
Entrevista com Bob Burnquist (G1)
Post de Ernesto Belote sobre a pista em Feira de Santana (Instagram)
Site Ernesto Belote
Bob Burnquist abre sua casa na Califórnia e mostra ‘mega escritório’ (Globoplay)
Seleção brasileira de skate é vacinada (Terra)

Gostou do episódio? Mande um comentário em áudio pelo WhatsApp +55 11 98765-6950. Seu comentário poderá aparecer no podcast Serviço de Atendimento à Cavalaria (SAC).


mande seu comentário em áudio